UnDF: ano foi de avanço na educação superior pública distrital

Universidade do Distrito Federal Professor Jorge Amaury Maia Nunes comemora a bem-sucedida implantação de nove cursos de graduação

0
36

“O ano de 2023 entrou para a história da UnDF. É chegado o momento de refletirmos sobre o caminho percorrido e celebrar!  

Celebramos o fortalecimento da integração entre a UnDF e a comunidade da Escola Superior de Ciências da Saúde (Escs), a oferta de auxílios estudantis, o ingresso de docentes aprovados no primeiro concurso da carreira magistério superior e a chegada de estudantes a nove novos cursos de graduação.

Destacamos o processo de construção de documentos norteadores para a política de educação superior pública distrital e a formatura dos estudantes da Escola Superior de Gestão (ESG) e da Escs.

Demos os primeiros passos para a implantação dos programas de iniciação científica e avançamos em distintas frentes: emissão de certificados e diplomas; aquisição de materiais de apoio ao ensino, pesquisa e extensão; melhoria da infraestrutura e a realização de eventos aliados às propostas dos cursos de graduação e pós-graduação que fizeram do recém-aberto Campus Norte e dos campi desta universidade um chão de oportunidades e trocas incríveis.
Apesar de tantos desafios, venceu o projeto de implantação de uma universidade menina, a UnDF. E tudo isso graças a muito planejamento, dedicação, trabalho individual e coletivo.  

Agradeço o trabalho desenvolvido pela comunidade acadêmica e pelo corpo técnico da UnDF. Celebro, também, as parcerias interinstitucionais com diferentes órgãos e entidades do GDF que subsidiam as ações da UnDF.

Agora, os nossos olhos, braços e corpos inteiros projetam-se para o amanhã, um dia carregado de esperança que não renega nossas raízes, tampouco deixa de valorizar a energia e o fôlego de todos os que nos antecederam.
Por todos esses que passaram, por nós que temos dedicado vida e inspirado identidade a esse espaço e pelos que ainda hão de vir, reitero meu agradecimento e ratifico nosso compromisso e disposição em defesa de uma universidade pública, gratuita, de qualidade socialmente referenciada, plural, inclusiva, pluriétnica e valorosa com o cuidado dedicado ao processo constitutivo de indivíduos.”

*Simone Benck, reitora pro tempore da Universidade do Distrito Federal Professor Jorge Amaury Maia Nunes (UnDF)

Por Agência Brasília

Foto: Divulgação/UnDF / Reprodução Agência Brasília