DF inova e motoristas de taxis podem fazer recadastramento online

Dos 3.284 motoristas ativos, 1.050 (32%) optaram, em 2023, por fazer a atualização dos seus dados por meio do sistema eletrônico

0
505

Todos os anos os taxistas precisam atualizar dados junto à Subsecretaria de Serviços da Secretaria de Transporte e Mobilidade (Semob-DF). Em 2023 surgiu uma novidade que veio para tornar a vida desses profissionais mais prática, que foi o recadastramento anual e emissão de certidões online.

Dos 3.284 motoristas ativos no Distrito Federal, 1.050 (32%) optaram por fazer a atualização dos seus dados por meio do sistema eletrônico. Do total de taxistas ativos, apenas 3% está irregular por falta de atualização cadastral.

“A inovação trouxe mais comodidade e celeridade, permitindo que os autorizatários entreguem a documentação pelo site”, avaliou o subsecretário de Serviços, Mauro Sérgio Almeida Fatureto. Segundo ele, todos ganham com o procedimento feito por meio eletrônico.

“Com isso, também conseguimos analisar e emitir as certidões de IPI, ICMS e IPVA, bem como o certificado do recadastramento, mais rápido”, completou o subsecretário.

Fatureto destacou, ainda, as iniciativas para divulgação do serviço online e ações para esses profissionais. “Fizemos um evento em parceria com a Secretaria de Saúde onde os profissionais realizaram atendimentos no ponto de apoio dos taxistas, próximo ao aeroporto. Os motoristas tiveram a oportunidade de fazer a atualização da carteira de vacinação e verificar a pressão arterial e glicemia, entre outros serviços”, lembrou o subsecretário.

Motoristas por aplicativo

A Subser também é responsável pelo cadastro dos motoristas por aplicativo no DF. Somente neste ano, foram concedidas 14.543 autorizações para novos motoristas de aplicativo vinculados às empresas de transporte individual e três novas operadoras foram cadastradas no Sistema de Transporte Individual Privado (STIP).

Ao todo, 41.893 motoristas estão autorizados a oferecer o transporte por aplicativo, em oito plataformas que atuam no Distrito Federal.

*Com informações da Semob

Por Agência Brasília

Foto: Divulgação/Semob / Reprodução Agência Brasília