Polícia prende jovem que desviou mais de R$ 100 mil de empresa do DF

O funcionário criava ordens de serviços falsas e desviava valores para uma empresa fantasma criada por ele próprio

0
1256

Um jovem de 23 anos foi pego em flagrante por desviar mais de R$ 100 mil da empresa que trabalhava. O funcionário atuava sempre da mesma forma: criava ordens de serviços falsas a serem adquiridas em uma empresa que só existia no papel e foi criada por ele próprio. O suspeito foi levado para a 8ª Delegacia de Polícia (SIA).

O acusado incluiu a empresa criada no banco de cadastro interno de fornecedores da loja e passou a emitir pedidos de compra de peças para a empresa fantasma. O setor financeiro do estabelecimento, induzido ao erro, acreditava ser necessária a compra das peças pedidas pelo funcionário e, assim, efetuava a aquisição do material e os pagamentos.

Os Pix eram realizados da empresa vítima para a empresa fantasma, onde o suspeito usava o nome de um “laranja”. O comparsa emprestava sua conta bancária e ganhava uma comissão a cada transação efetuada, que variava de R$ 200 a R$ 300, dependendo do valor da transferência.

O funcionário foi preso e responderá pelo crime de estelionato, podendo ser condenado a uma pena de até cinco anos de reclusão.

Por Caio Figueiredo, Carlos Carone, Mirelle Pinheiro da Metrópoles

Foto: Reprodução Metrópoles – Acesso 15-12-23