PCDF prende todos os envolvidos em latrocínio contra empresário

Nesse fim de semana a PCDF, realizou a prisão dos dois últimos envolvidos no crime de latrocínio que resultou na morte de um empresário

0
100

Nesse fim de semana a Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), por meio da 35ª DP, realizou a prisão dos dois últimos envolvidos no crime de latrocínio que resultou na morte de um empresário, de 57 anos, morador do bairro Grande Colorado, região nobre da capital federal.

As ações ocorreram em cumprimento a mandados de prisão judiciais.

Na noite da última quinta-feira, 15, o terceiro acusado de participar do crime foi preso pela equipe da 35ª DP (Sobradinho II). Esse criminoso foi localizado e preso em cumprimento a mandado judicial na residência de familiares em Valparaíso de Goiás, onde se mantinha escondido.

De acordo com as investigações, o crime de latrocínio — roubo seguido de morte — fora praticado por um grupo de cinco criminosos, os quais invadiram a residência da vítima para subtrair valores em espécie.

Durante o assalto, os envolvidos efetuaram vários disparos e arma de fogo contra o rosto do empresário, levando-o à morte.

Após o crime, o grupo criminoso fugiu do local em um veículo Peugeot, na cor preta, com certa quantia em dinheiro roubado da vítima.

“O trabalho da Polícia Civil do DF e a colaboração da mídia e comunidade foram fundamentais para a captura de todos os criminosos envolvidos nesse crime que chocou a comunidade local e foi notícia de destaque em todo o Distrito Federal. Denúncias repassadas pela população também foram fundamentais para a elucidação do crime e colaborou na prisão de todos os investigados, os quais agora aguardam os procedimentos da Justiça atrás das grades”, destaca o delegado-chefe da 35ª DP, Laércio Carvalho.

Por Mariana Haun do Jornal de Brasília com informações de Sandra Barreto

Foto: Reprodução/Jornal de Brasília