PCDF fecha fábrica clandestina de placas veiculares

Os maquinários foram instalados nos fundos de um ferro-velho, localizado no P Sul, em Ceilândia

1884

Na tarde de quinta-feira (23/12/21), a Polícia Civil do DF fechou outra fábrica clandestina de placas veiculares. Um homem, de 23 anos, foi detido após ser flagrado confeccionando placas.

Os maquinários foram instalados nos fundos de um ferro-velho, localizado no P Sul, em Ceilândia. As investigações apontaram que a fábrica era de propriedade de uma família especializada no ramo de produção de placas.

No mês de novembro, essa mesma família foi alvo da Operação Réplica que visou desarticular a associação criminosa voltada para a confecção e o fornecimento de placas de veículos de forma irregular.

Conforme a PCDF, essa tarefa construía um elo que vincula os ladrões de carro/moto e aqueles que clonam veículos.

Na ocasião, foram cumpridos 26 mandados de busca e apreensão e seis mandados de prisão preventiva. Três armas de fogo foram apreendidas e duas pessoas presas em flagrante.

O fato de o pai e o filho estarem presos preventivamente não impediu que membros do grupo criminoso continuassem operando as atividades.

Por Guilherme Gomes do Jornal de Brasília com informações de Sandra Barreto

Foto: divulgação/PCDF