Suvaco da Asa inicia oficialmente carnaval do DF com festa o dia inteiro

Tradicional bloco de carnaval foi festejado durante todo o sábado no Complexo do Eixo Cultural Ibero Americano, a antiga Funarte

0
596

A festa realizada pelo bloco Suvaco da Asa se tornou marca registrada do carnaval brasiliense e deu início ao carnaval de 2024. O tradicional bloco juntou os foliões na tarde deste sábado (3/2) para desfilar pelo estacionamento do Complexo do Eixo Cultural Ibero Americano com programação que ocupou a manhã, a tarde e a noite dos brasilienses e homenageou o Rei do Brega, o pernambucano Reginaldo Rossi no ano em que completaria 80 anos.

Há 18 anos pelas ruas do Distrito Federal, o bloco tem o costume de abrir o período de carnaval na capital. O nome Suvaco da Asa tem a ver com o endereço dos criadores do bloco, o bairro Sudoeste, que fica a oeste (portanto, no “suvaco”) da Asa Sul.

A estudante de Biomedicina Geneticista Laís Dias, 36 anos, acordou cedo com a família para curtir o bloco Suvaco da Asa no dia errado e viralizou não desistiu da festa. Ela compareceu ao evento, dessa vez no dia certo, neste final de semana. No último sábado de janeiro ela fez a família se arrumar e ao chegar ao local encontraram o estacionamento vazio. “Acho que acabei fazendo confusão por estar com a cabeça cheia de compromissos. Mas o importante é que todo mundo veio de novo, agora no dia certo”, brincou Laís.

Ela ainda elogiou a tradição do bloco. “É um bloquinho tradicional, é um bloquinho de Recife, que traz toda a alegria de Pernambuco. E é muito bacana pois é um bloquinho que traz a tradição e eu acho isso essencial no carnaval”, explicou Laís.

O mesmo aconteceu com o advogado Alison Alves, 35 anos, e os dois acabaram se conhecendo por conta da confusão e neste sábado, a moradora de Sobradinho e o morador de Ceilândia combinaram de curtir o primeiro sábado de pré-carnaval juntos. “Embora não estejamos no Nordeste, o Suvaco da Asa coloca o Nordeste dentro do quadradinho. Eu considero esse bloquinho um pedaço do Nordeste no nosso quadradinho”, explicou.

O Grupo Performático Patubatê foi o responsável por iniciar a festa no período da tarde, seguido pela Orquestra Popular Marafreboi, pelo desfile em cortejo do bloco Suvaco da Asa, que realizou um circuito com músicas do frevo, dando lugar ao cantor Otto, responsável por interpretar as canções do pernambucano Reginaldo Rossi.

Ao longo de todo o período de carnaval, a Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Distrito Federal (SECEC-DF) espera mais de 1,7 milhão de pessoas nas ruas do DF. Questionada a respeito da quantidade de pessoas que compareceram ao local, a Polícia Militar do Distrito Federal informou que “a PMDF não faz mais contabilidade de públicos em eventos”.

CB Folia

O Correio vai premiar os melhores blocos de rua do DF. A tradicional premiação, o CB. Folia, está no seu sétimo ano e a postos para viver o carnaval e premiar os melhores blocos de rua da capital. A iniciativa do Correio busca destacar a importância da cultura carnavalesca no Distrito Federal, além da diversidade musical e da relação de pertencimento com a cidade.

A expectativa é que mais de 100 blocos agitem o carnaval da capital este ano e concorram aos prêmios. A premiação apresenta as seguintes categorias: Melhor Bloco de Rua (1º, 2º e 3º lugares), Melhor Momento, Melhor Fantasia e a novidade da edição deste ano, Melhor Fantasia Infantil, com júri técnico; Melhor Bloco de Rua, com votação popular.

A apuração do CB.Folia 2024 acontecerá em 14 de fevereiro, após as 18h. O resultado será divulgado dois dias depois, às 16h, no auditório do edifício-sede do Correio Braziliense, no SIG, Quadra 02, Lote 340, quando será feita a entrega do Troféu CB.Folia aos blocos e foliões vencedores desta edição.

As comemorações de pré carnaval devem continuar neste domingo (4/2). Confira algumas opções gratuitas:

Candan Bucans (infantil)
SQN 315
10h

Capivareta Repercussiva
Eixão Norte 201/211
14h

Cafuçu do Cerrado
Estacionamento do Eixo Cultural Ibero-americano, antiga Funarte
Das 15h às 22h.

Carnaval Acerva
Eixão Norte
15h

Canteiro do samba
Praça dos Orixás
16h

Por Sarah Paes do Correio Braziliense

Foto: Ed Alves/CB/DA.Press / Reprodução Correio Braziliense