Pesquisa Domiciliar em áreas rurais da capital tem novo acordo de execução

Por fornecer dados sobre a população da área rural, levantamento é importante para a criação de políticas públicas

891

“Essa pesquisa vai ser muito importante para subsidiar a gestão territorial do DF, já que vamos pesquisar o território rural de acordo com o uso do solo, se é agricultura familiar, agricultura empresarial, assentamento ou área rural ocupada já com características urbanas”, explicou o presidente da Codeplan, Jean Lima

Por meio de acordo de cooperação técnica entre a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal (Emater-DF) e a Companhia de Planejamento (Codeplan), será realizada a Pesquisa Distrital por Amostra de Domicílios (Pdad) Rural na capital, que pela primeira vez vai levantar as condições de vida da população que mora na área rural do DF.

Nesta sexta-feira (25), técnicos dos dois órgãos se reuniram para traçar o acordo que será assinado nos próximos dias e que vai viabilizar a execução da pesquisa, além do plano de trabalho que será desenvolvido já a partir do dia 7 de março.

Inicialmente, ainda em fase experimental, serão visitadas 96 propriedades em núcleos rurais específicos situados em Ceilândia, Gama e Vargem Bonita. A pesquisa amostral tem como objetivo conhecer a situação demográfica, de migração, da condição social e econômica da população residente em área rural no DF, além das características do domicílio e das condições de infraestrutura no âmbito rural. De acordo com o macrozoneamento do Plano Diretor de Ordenamento Territorial (Pdot), aproximadamente 69% da área do Distrito Federal é considerada rural.

“A capilaridade da Emater-DF e a expertise dos nossos extensionistas no campo vai contribuir para que os técnicos da Codeplan atuem e que a pesquisa seja a mais fidedigna possível. Esse resultado será muito importante para o Governo do Distrito Federal na tomada de decisões e criação de políticas públicas voltadas para o povo que vive em áreas rurais”, ressaltou a presidente da Emater-DF, Denise Fonseca

“Essa pesquisa vai ser muito importante para subsidiar a gestão territorial do DF, já que vamos pesquisar o território rural de acordo com o uso do solo, se é agricultura familiar, agricultura empresarial, assentamento ou área rural ocupada já com características urbanas”, explicou o presidente da Codeplan, Jean Lima.

Nesta sexta-feira, os técnicos abordaram a fase piloto da pesquisa, a forma de atuação conjunta e as dificuldades que podem surgir. A Emater-DF atuará junto à Codeplan auxiliando nos percursos e no contato com os produtores. O grupo também vai utilizar a estruturados escritórios locais da empresa como ponto de apoio. Todo o planejamento será realizado em parceria.

“A capilaridade da Emater-DF e a expertise dos nossos extensionistas no campo vai contribuir para que os técnicos da Codeplan atuem e que a pesquisa seja a mais fidedigna possível. Esse resultado será muito importante para o Governo do Distrito Federal na tomada de decisões e criação de políticas públicas voltadas para o povo que vive em áreas rurais”, ressaltou a presidente da Emater-DF, Denise Fonseca.

“O apoio da Emater é fundamental porque eles que conhecem esses territórios, conhecem a realidade desses produtores. Isso vai facilitar muito e viabilizar o nosso acesso a essas pessoas. Esse apoio da Emater também vai fazer com que essas pessoas respondam com maior segurança, com confiança na pesquisa. Essas informações vão nos mostrar qual é a realidade da população rural no DF de uma maneira mais sistemática na análise”, destacou a diretora de Estudos Urbanos e Ambientais da Codeplan, Renata Florentino.

Por fornecer dados e informações relevantes sobre a população da área rural, além de fortalecer do Planejamento Estratégico 2019-2060 do Distrito Federal, a pesquisa será um instrumento importante para nortear a criação de políticas públicas. A realização da Pdad Rural é amparada pelo Decreto 32.087, de 19 de agosto de 2010, alterado pelo Decreto 39.403, de 26 de outubro de 2018, que criou a Pdad no Distrito Federal.

A Pdad, até sua última edição, pesquisava apenas as áreas urbanas e rurais com características urbanas no Distrito Federal, não abrangendo toda a área rural. Até então, os domicílios localizados em áreas efetivamente rurais não estavam sendo contemplados na pesquisa, deixando uma lacuna de informações necessárias sobre a população rural.

*Com informações da Emater-DF

Por Agência Brasília com informações de Sandra Barreto

Foto: Agência Brasília