Fórum de gestores do Gama propõe atividades sobre saúde mental

Política de bem-estar, autocuidado e capacitação foram alguns dos temas abordados no evento

0
15

Política de bem-estar, autocuidado, saúde mental e capacitação foram alguns dos temas abordados no Fórum de Gestores da Regional de Ensino do Gama. O evento, realizado nesta terça-feira (19), contou com a presença de cerca de 100 gestores e vice-gestores de escolas públicas da região e servidores.

A secretária de Educação do Distrito Federal, Hélvia Paranaguá, destacou a importância do evento para a comunidade escolar. “Esse é um momento muito importante. A região do Gama e a maioria das regionais fazem esses encontros periódicos, em que debatem as necessidades das escolas, a construção pedagógica e os melhores caminhos. Isso é muito importante para estreitar os laços, para gerar esse sentimento de trabalhar em regime colaborativo, um ajudando o outro”, pontuou a secretária. “O retorno vem em melhorias na qualidade da educação pública do Distrito Federal”, finalizou.

O fórum teve como objetivo principal promover a troca de experiências, fortalecer os laços entre os gestores e proporcionar momentos de reflexão e cuidado com a saúde mental. Durante a manhã, os gestores participaram de diversas atividades de vivência, que incluíram dinâmicas de grupo e exercícios de relaxamento.

De acordo com a coordenadora regional de ensino do Gama, Cássia Maria Marques, as práticas visavam não apenas promover o bem-estar dos gestores, mas também fornecer ferramentas para lidar com o estresse e a pressão do ambiente escolar.

“É uma forma que encontramos para fugir da correria do nosso cotidiano. É um momento terapêutico, em que fazemos dinâmicas, conversas com terapeutas e essa troca de saberes pode e deve ser compreendida no âmbito escolar por meio deles para os professores e os alunos”, declarou Cássia.

Além dos momentos de relaxamento, no período da tarde, os novos diretores e vice-diretores, eleitos em 2023, participaram de um momento de capacitação do servidor. Eles receberam orientações sobre o trabalho que precisa ser desenvolvido em parceria com a Coordenação Regional de Ensino (CRE) e os demais setores da SEEDF.

*Com informações da Secretaria de Educação

Por Agência Brasília

Foto: Jotta Casttro/ SEEDF / Reprodução Agência Brasília